Como funcionam as unidades de conservação

Autor: 
Karina Ninni

Quizz

O Brasil abriga a segunda maior área florestal do planeta, atrás apenas da Rússia. Com 554 milhões de hectares, o país possui 14% da área florestal mundial, que ocupa 64,3% do território nacional. Um levantamento da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), divulgado no início de 2007, mostra que, apesar do desmatamento dos últimos 30 anos, o Brasil é um dos países que mais mantêm sua cobertura florestal no mundo, com 69,4% de suas florestas primitivas ainda em pé. Veja o quanto de suas florestas originais cada continente preserva:

  • África - 7,8%
  • Ásia - 5,6%
  • América Central - 9,7%
  • Europa- 0,3%
  • América do Sul - 54,8%

Cerca de 50% das florestas brasileiras se encontram em áreas públicas. No caso da Amazônia, por exemplo, 75% delas estão em áreas públicas.
Segundo a LBA (2005) (Large Scale Biosphere-Atmosphere Experiment in Amazonia ou Experimento de Grande Escala da Biosfera-Atmosfera na Amazônia), desse total as Unidades de Conservação e Terras Indígenas, ou seja, as áreas protegidas juntas, representam 30 pontos percentuais - e os outros 45 pontos percentuais são de terras públicas de uso ainda não definido ou desprotegidas. Nas próximas páginas, saiba o que são as unidades de conservação e qual o perfil dessas unidades brasileiras, o que está mudando nesse assunto e algumas curiosidades.

Unidades no Brasil